BEM-VINDO!!!

Serviço Social e Teologia juntos para tratar de comportamento humano, espiritualidade e atualidades. " Examinai tudo e retém o que é bom..." I Tessalonicenses 5:21

Pesquisar Blog/Web

terça-feira, 3 de maio de 2016

FERNANDA BRUM E SEU CURSO DE JEJUM: CAPITALISMO NO MUNDO CRISTÃO

Aviso: Aos "fã boys" e "fã girls" da pastora e cantora Fernanda Brum, este post não tem por intenção denegrir a imagem da referida personalidade, mas sim pontuar um fenômeno chamado "Lucrismo". Uma evolução do Neoliberalismo que invadiu o mundo cristão na pós-modernidade.


Esse é um dos frutos do evangelho capitalista que vivemos nos dias de hoje. Nada contra ser recompensado por fazer a obra de Deus, até porque isso é bíblico (1 Coríntios 9). O problema esta no fato de que o capitalismo que vivemos hoje, o lucrismo, promove este tipo de situação que observamos acima. 

A pergunta é: para que fazer um curso de jejum? E mais ainda, por que pagar por algo desse tipo? Será um jejum algo tão complicado do qual haja necessidade de se ministrar um curso?

É claro que a resposta é óbvia: não há nada que justifique a ministração de um curso sobre o assunto e muito menos que se pague um valor por aula. A bíblia, sem muitas dificuldades, é capaz de explicar o sentido e o objetivo de se fazer jejuns e como fazer, o que é ainda mais fácil de compreender.

Não sou nenhum "expert", sou apenas um estudante das escrituras, mas confesso que esse tal curso me desafiou a criar um post sobre jejum. Tenho certeza que em apenas um post conseguirei explicar e exemplificar sobre as maneiras de executá-lo. 

De certo, em nenhum momento tenho a pretensão de me comparar a uma pastora, pelo contrário, admiro a coragem e sabedoria de pastores que seguem, de forma coerente, o testemunho de Jesus.

Classifico um curso desse como desnecessário e completamente tendencioso ao "Lucrismo" prática altamente condenada por Jesus em Lucas 12 - 13 a 21, Mateus 19, dentre outras referências. 

Que vivamos o verdadeiro testemunho do evangelho dizendo não a prática constante do lucro trazida do mundo para dentro da igreja, e sim para uma vida moderada, repartindo, assim como fizeram os discípulos, os fundadores do verdadeiro socialismo em Atos 1, com os necessitados o pão.

Se você gostou, compartilhe nas suas redes sociais clicando nos icone. Siga nossa página, basta clicar em PARTICIPAR DESTE SITE e você estará nos ajudando a publicar mais posts de opinião!